Planta

Há de se aumentar a presença. Há sim.

Há de se ocupar o caos, a casa, os cantos dos cômodos e o comodismo. Há de se fazer incômodo.

Há de se fazer presente. De se presentear. Há de se doar.

Há muito espaço. Meu deus, quanto espaço. Há uma imensidão para se andar. E que vazia. Meu deus, que imensidão vazia.

Há de se apropriar. De se invadir. Há de se montar os acampamentos. E ficar. E protestar, gritar, ameaçar e fincar: Os pés e as bandeiras, o corpo e as crenças, o concreto e o abstrato. Tudo aqui. Deixa tudo aqui, que não há risco de se abandonar nada.

Presencia. Comparece. E vê quanta extensão. Quanto espaço, meu deus. É infinito. Quanto oxigênio em volta. Que sufoco, nossa, que sufoco. Me engasga feito espinha de peixe na garganta, esse oxigênio. Desce rasgando, feito trago em bebida barata, esse ar vazio. Me tira o fôlego.

Eu já mencionei o espaço? Há muito espaço. Me comem os pés esses quilômetros exaustivos, sem ponto de parada, sem linha de chegada, sem rede para se deitar. Me sua o corpo, repuxa os músculos e nauseia, toda essa distância.

Há de se aproximar. Aproximar tanto, tanto, até causar atrito e explodir. Explodir e ver nascer um universo. É assim que se gera o mundo, que se cria terra, que se forma a matéria.

Há de se sair do abstrato, da poeira cósmica.

Há de se construir. E se constrói é com carne, que o corpo é concreto e a presença é um chão, feito para se andar sem sapatos.

Presencia. Comparece. E reboca as paredes, renova esse ar, põe a rede de volta nos ganchos, que há de se respirar profundamente, descansando em um domingo morno.

Advertisements
Planta

One thought on “Planta

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s